Menu fechado

Justiça libera dinheiro para pagar atrasados de mais de 76 mil segurados.


O Conselho Federal de Justiça liberou na última Quarta-Feira (22),o valor de R$ 971.597.315,65 para os TRF (Tribunais Regionais Federais), acertarem os atrasados de mais de 76 mil segurados que venceram ações contra o INSS.

Essas ações vencidas contra o INSS são de concessão e revisão de pensões, aposentadorias e benefícios por incapacidade.

Você já sabe se poderá ser beneficiado com essa liberação?

Você quer nossa ajuda?

O sistema de pagamento de requisições do tribunal irá, nos próximos dias, processar e liberar os valores de 13.178 segurados que venceram 11.141 processos contra o INSS.

O valor será pago em contas dos bancos Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.

Essa liberação vai encerrar cerca de 63 mil processos em todo o país.

Para ter a entrada de seu pagamento recebido ainda neste mês, é necessário que a autuação do último pagamento tenha sido feita até Abril pelo juiz da ação.

A autuação nada mais é, que o dinheiro pedido ao tribunal, que envia as solicitações para o conselho. Porém, quando a quantia ultrapassar 60 salários, o valor será pago por meio de precatório.

Mas atenção, pois o acerto pode demorar até dois anos para ser concluído.

E isso ocorre por dois motivos: o pagamento depende que o Orçamento Geral da União libere a verba, e a segunda é que somente um lote de precatórios é pago por ano. Geralmente no dia 1 de Julho é fechada a lista do pagamento do próximo ano.

Se, na ocasião, a autuação sair depois desse período, será computada somente no ano seguinte.

Quer saber maiores informações referente a esse benefício?

Saiba como trazer melhorias para o seu auxílio!

Você sabia que você pode não estar recebendo o valor da sua aposentadoria corretamente?

Que você pode recalcular os valores e aumentar significadamente o valor do seu benefício?

Clique no link e descubra como incluir no valor da sua aposentadoria as MAIORES contribuições das décadas de 70, 80, 90 e 2000, podendo seu benefício chegar em até R$ 5.839,45.

Editorial do Aposentadoria Notícia.

Publicado em:Últimas Notícias