Menu fechado

Revisão da vida toda: Aposentados podem receber até R$ 200 mil de atrasados

Aposentados com direito a REVISÃO DA VIDA TODA, mas que estão perto de completar dez anos da aposentadoria deve procurar um especialista em previdenciário. Se ultrapassado o prazo 10 anos do primeiro pagamento, depois não pode entrar com a ação.

QUEM TEM DIREITO?

Têm direito segurados que trabalharam e contribuíram antes de julho de 1994 e poderiam ter o valor destas contribuições incluído no cálculo da aposentadoria para ganhar um melhor benefício. A correção beneficia quem teve salários altos no início da carreira, na comparação com os salários recebidos nos anos que antecederam a aposentadoria.

PROCURE UM ESPECIALISTA EM PREVIDÊNCIA

Fazer o cálculo para saber se essa revisão vale a pena não é simples, por isso o ideal é ter uma assessoria especializada em previdência social.

Importante: o pedido desta revisão só pode ser feito na Justiça. Como já dito em postagens anteriores, caso o Supremo Tribunal Federal decida a favor do INSS, são boas as chances de quem conseguiu a revisão não ter de devolver o que já recebeu. Caso o STF julgar a correção como procedente ou deixar a decisão para o STJ, aposentados podem ter até R$ 200 mil de atrasados.

Publicado em:Últimas Notícias