Menu fechado

Saiba: A revisão da vida toda é vantajosa?

Primeiramente, é preciso ter uma assessoria especializada em previdência. Esse profissional, que domina o assunto, verificará se a revisão de aposentadoria é vantajosa e também fará o cálculo da RMI (Renda Mensal Inicial) – valor do primeiro benefício pago ao segurado – com e sem a inclusão de salários antes de julho de 1994. 

Com essas informações será possível comparar a RMI da revisão com o salário de benefício que a pessoa recebe hoje. E ainda é preciso incluir o valor dos honorários advocatícios e taxas para entrar na justiça, caso a revisão se mostre vantajosa.

Importante! É necessário fazer um cálculo utilizando todos os salários de contribuição do aposentado para avaliar o recurso de revisão. Para isso, é preciso do Cnis (Cadastro Social De Informações Sociais) com todos os salários de contribuição e outros documentos. 

ESPECIALISTA É IMPORTANTE

O cálculo é muito complexo, com o serviço de assessoria a possibilidade de ter erro é quase nula. A intenção é ver se é possível aumentar ou diminuir o Salário do Benefício recebido pelo beneficiário.

No caso, se o valor for menor, recomenda-se que isso seja mantido, não devendo ingressar com a ação. 

Já se o resultado for maior, então, haverá a indicação de entrar com a ação para o julgamento da revisão da vida toda. Fique atento, o contribuinte só deve entrar com a ação quando o resultado da inclusão das contribuições altera o valor da aposentadoria positivamente. Não perca tempo!

Publicado em:Últimas Notícias